sexta-feira, 8 de junho de 2007

VAI ACABAR EM PIZZA ?

Comentário de: Ediloy Antonio Carlos Ferraro [Visitante] · http://0.2.64.176/
04.06.07 @ 02:08

Parece que a clima tende a entrar em banho maria,apaziguado os ânimos contra Renan Calheiros. Primeiro com a fila de cumprimentos dos senadores hipotecando solidariedade ao colega que, numa mea culpa, tinha tudo para sair-se bem do episódio onde reconhece que errou ao ter uma fraqueza de homem e cometer o adultério, que resultou na paternidade indesejada, mas que, pai zeloso, amparou regiamente mãe e filha...

Ocorre que tudo isso é apenas a parte menor do desenrolar dos fatos. A operação Navalha traz à lume escusas ligações do mencionado senador com o governo das Alagoas, do PSBD, Teôtonio Vilela, ambos entrosadíssimos com o dono da empreiteira Gautama, recém beneficiado com um habeas-corpus, que o livrou da carceragem.

Isso é que se depreende das escutas telefônicas, dos aditamentos milionários de contrato de obras a cargo da referida empresa,obras, inclusive, inacabadas ou mesmo que nunca começaram...

Depois de considerarem exageros da Polícia Federal, no festival de algemados de paletós e gravatas, ao que tudo indica questionam a prática do grampo telefônico,mesmo com autorização judicial, com argumentos de invasão de privacidades...

Bem comenta o Frei Beto, em artigo da semana passada na Folha de São Paulo, onde define que as tais "elites" que se apoderaram sempre do Estado, seja com financiamentos a juros baixos junto ao BNDES, onde a burocracia mantem distantes qualquer tomador de pequeno porte, ou aos eternos beneficiários das entranhas do Poder, que se queixam de ver suas pústulas exibidas a céu aberto nestas operações investigativas promovidas pela Justiça e operadas pela PF.

Se quisermos passar este País a limpo é bom que comecemos a enfrentar as coisas de frente, e, para usar uma frase sempre em voga em situações tais ( Collor a usou muito no auge dos escândalos que o defenestrou do Palácio da Alvorada, e Lula mais recentemente) "Doa a quem doer ", é o que esperamos ( aliás, vivemos sempre na eterna espera...).

Um comentário:

Aurelio disse...

Legal Ediloy!
Torço para seu sucesso!
Vc tem bons textos, e é um disperdício deixá-los no arquivo morto, ou apenas em sua memória.
Vá em frente!
Sucesso!